Terra das Sombras

Wendy volta a Terra do Nunca, mas, algo não está certo...
Em uma noite fria Wendy sonha com Peter e a Terra do Nunca, então, com o desespero de revê-lo corre para sua janela e avista uma estrela brilhante e pensa que pode ser um sinal para ela voltar.

Na manhã seguinte, Wendy se lembra de que enterrara uma caixa com suas lembranças da Terra do Nunca e entre elas havia as roupas que usara para voar, depois de desenterrar a caixa, chacoalhar  o pó de fada das roupas.

Com esse problema, decidirá visitar uma amiga que tivera um irmão recém-nascido, quando chegasse lá consegueria fazer o bebê rir. De repente, avista uma coisa brilhosa voando rapidamente em torno de si.

-Como?

-Já fui uma menina perdida! –Responde Wendy.

 

                                        Então, após recolher o pó de fada do chão, viu que a quantidade era insuficiente para voar, por isso Wendy pensa “preciso achar uma fada”.

Após ver uma garrafa no chão, pegou-a e ,em um movimento brusco, aprisiona a fada dentro da garrafa. Depois de chegar à casa a soltou, mas após rapidamente voar para longe de Wendy a fada grita:

Depois de explicar tudo Wendy ficou amiga da fada e decidiu chamá-la de Cintilante. Três semanas depois, Wendy já havia recolhido pó de fada suficiente para voltar.

Wendy se lembra de que fadas nascem a partir do riso de bebês, pensando nisso, foi até um orfanato local para tentar fazer os bebês rirem, mas ocorre um problema, ela não é permitida entrar.

-Por favor, não me machuque!

-Acalme-se, sonhei com Peter e a Terra do Nunca. –Disse Wendy.

 

  Próxima Pagina